Associados da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT) se posicionam sobre Manejo Terapêutico da COVID-19

Publicação: 8 de December de 2020

Nota da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT) sobre Manejo Terapêutico da COVID-19

Em 13 de novembro de 2020

 

A Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT) lamenta que a pandemia causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, causador da COVID-19, encontre o Brasil em momento de profunda fragilidade sanitária, social e econômica, expressa em sua inadmissível desigualdade regional e social, elevada concentração de renda, altas taxas de desemprego e índice sofrível de saneamento básico.

 

A SBMT se solidariza com profissionais de saúde na linha de frente do enfrentamento da pandemia e especialmente com todos e todas atingidas pela alta morbimortalidade relacionada à COVID-19 no país. Lamenta ainda que a necessidade de pronta resposta encontre o Sistema Único de Saúde (SUS) e o Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação sob impacto negativo de cortes orçamentários sucessivos.

 

Ainda assim, pela experiência, conhecimento e comprometimento, estes mesmos Sistemas têm sido capazes de oferecer cuidado e conhecimento para o manejo da doença além de análises epidemiológicas e orientações para a redução da transmissão do vírus.

 

A SBMT reforça a necessidade de fortalecimento de políticas públicas claras e orientadoras e se coloca de forma intransigente pela adesão aos princípios científicos para a prática em saúde.

 

A partir destes preceitos, a SBMT reitera que até o presente momento, nenhum medicamento se mostrou seguro e eficaz como tratamento específico contra o SARS-CoV-2. Vários medicamentos antivirais e outros antimicrobianos e antiparasitários têm demonstrado atividade apenas em estudos experimentais in vitro, mas não foram eficazes em seres humanos.

 

A SBMT, baseada nas evidências científicas disponíveis até esta data, sobre as intervenções farmacêuticas mais usadas ou propostas para o manejo da doença na prática clínica, recomenda que:

 

 

 

 

 

Observação: Estas recomendações estão em concordância com os posicionamentos da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), da Sociedade de Pneumologia e Tisiologia (SBPT), da Sociedade Brasileira de Imunologia, da Agência Reguladora de Medicamentos dos EUA (FDA) , da Sociedade Americana de Infectologia (IDSA) e do Instituto Nacional de Saúde Norte-Americano (NIH).

 

 

 

 

 

 

 

 

A SBMT ressalta a necessidade de investimento em pesquisa clínica independente para a avaliação de segurança e eficácia de intervenções para tratamento e profilaxia da infecção por SARS-CoV-2 e outras condições clínicas.

 

A SBMT reforça a necessidade urgente de financiamento adequado para o SUS e o Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Clama ainda pelo reconhecimento do papel da ciência e da correta divulgação de dados baseados em evidências para ajudar profissionais de saúde, gestores e população.

 

 

As recomendações observaram ainda:

 

Os Guidelines do Instituto Nacional de Saúde (NIH) do Estados Unidos (COVID-19):  Treatment Guidelines Panel. Coronavirus Disease 2019 (COVID-19) Treatment Guidelines. National Institutes of Health. Available at https://www.covid19treatmentguidelines.nih.gov/. Acesso: 23 Agosto 2020).

 

Resultados divulgados do estudo Solidarity: https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/global-research-on-novel-coronavirus-2019-ncov/solidarity-clinical-trial-for-covid-19-treatments

 

Princípios da Sociedade Brasileira de Bioética: www.sbbioetica.org.br

 

 

 

 

 

 

 

Lista de Apoio à

Nota da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT) sobre Manejo Terapêutico da COVID-19

 

 

Professor associado da Faculdade de Medicina – Universidade Federal do Ceará

 

Pesquisadora titular do Instituto Oswaldo Cruz – Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

Professora Associada da Faculdade de Ciências Médicas – Universidade Estadual do Rio de Janeiro

 

Pesquisadora Sênior do Instituto René Rachou – Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Instituto Nacional de Infectologia – Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Professor titular da Universidade Federal do Piauí

 

Professor titular da Universidade Federal do Triângulo Mineiro 

Editor-Chefe da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

 

Professor Emérito da Universidade Federal de Minas Gerais

Presidente da Sociedade Brasileira de Bioética

 

Professora Titular da Universidade Federal do Piauí

 

Pesquisadora em Saúde Pública do Instituto René Rachou – Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Professor Associado da Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília

 

Professor associado do Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Professor adjunto do Instituto de Estudos de Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro

 

Pesquisador Emérito da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Professora associada da Universidade Federal do Triângulo Mineiro 

 

Professora da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Mato Grosso

 

Professora Sênior da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

 

Pesquisador Titular do Instituto Gonçalo Moniz – Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz Professor Titular da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia

 

Pesquisador Emérito da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Médico – Instituto René Rachou – Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Pesquisador sênior da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz

 

Professora Titular do Instituto de Ciências Biológicas – Universidade Federal de Minas Gerais