A SBMT

A Sociedade Brasileira de Medicina Tropical (SBMT), fundada em 1962, tem ao longo de sua história mantido um compromisso técnico-político de apoiar os órgãos públicos e particulares envolvidos no enfrentamento e controle de doenças tropicais, infecciosas e parasitárias, em várias frentes de apoio, respeitando as diretrizes do SUS, promover e incentivar estudos e pesquisas relativos à Medicina Tropical, em seus aspectos epidemiológicos, etiológicos, clínicos, fisiopatológicos, terapêuticos e preventivos, considerando os seus condicionantes físicos, biológicos e sócio-econômicos, considerando os seus determinantes e condicionantes socioeconômicos, políticos, ambientais, físicos e biológicos, dar assessoria técnico-científica, estimular educação permanente, promover reuniões, congressos, cursos e simpósios, de âmbito internacional, nacional e regional, sobre assuntos relacionados com a Medicina Tropical; promover intercâmbio cultural com instituições científicas, nacionais ou estrangeiras; divulgar conhecimentos técnico-científicos relacionados com a Medicina Tropical.

A Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, publicada bimestralmente, é órgão oficial da Sociedade, divulgando temas de intersse na área de doenças, tropicais, estando indexada no ISI e desfrutando de prestígio na comunidade científica nacionail e internacional.

A Sociedade Brasileira de Medicina Tropical tem caráter multidisciplinar, albergando em seu quadro, profissionais de diferentes áreas da saúde, tais como entomologistas, epidemiologistas, parasitologistas, patologista, imunologistas, biologistas, enfermeiros, farmacêuticos, médicos, ecologistas, engenheiros sanitaristas, pesquisadores, professores universitários entre outros. Esta abordagem abrangente estimula uma maior compreensão dos temas relacionados á prevenção, controle e manejo, ao lado da etiopatogenia e condicionantes epidemiológicas, sócio-econômico-políticas e ambientais das principais doenças infecciosas endêmicas no país.

Promove anualmente o Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, estimulando o intercâmbio com pesquisadores nacionais e internacionais e parcerias com órgáos públicos e privados, gerando recomendações que possam contribuir para o aprimoramento do formação de profissionais de saúde e da atenção à saúde, em seus diferentes níveis, com ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da assistência, com responsabilidade social e compromisso com a cidadania.

Marcus Vinicius Guimarães de Lacerda
Presidente da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical
www.sbmt.org.br

 

ESTATUTO    ATA    ATA-2